Cuidados com coelhos

Posted on Posted in Cuidados básicos, Pet

Os coelhos são ótimos animais de estimação, são sociáveis, inteligentes e se adaptam facilmente a rotina da casa. Também convivem bem com outros animais, lembrando que é sempre importante fazer uma adaptação. Entretanto, como qualquer animal, ele precisa de cuidados específicos, vamos aprender?

AMBIENTE

Você pode ter um coelho até em um apartamento, pois são de fácil manuseio e fazem pouca sujeira.

Pense na gaiola como a “toca” do coelho: é onde ele dorme e tem acesso à água e comida. Precisa ser grande o suficiente para que ele consiga ficar de pé, apoiado somente pelas patas traseiras, e que consiga ficar deitado, espichado, sem derrubar a água e a comida.

Ele não deve passar o tempo todo lá, o ideal é que ele fique livre pelo menos 12h por dia, em um lugar onde ele possa correr livremente, brincar, se exercitar, tomar sol e ar fresco.

A grande maioria dos coelhos tem pelos densos e até longos. Por estarmos em um país de altas temperaturas, é preciso estar atento a um possível superaquecimento do animal. Isso é grave e pode levar a morte. Veja como reconhecer se o animal está superaquecido no final do post.

ALIMENTAÇÃO

Os coelhos são roedores herbívoros, portanto adaptados a digerir fibra vegetal. Sendo assim, sua alimentação deve consistir em 70% de fibras vegetais como fenos, gramíneas, capim, verduras verde escuras, alfafa, alguns brotos, folhas e flores; e 30% divididos em frutas, legumes e ração extrusada própria para os nossos amigos.

Muita atenção na compra da ração, ela deve ter a composição nutricional correta para o animal. Se o animal comer em excesso pode sofrer de impactação gástrica, muitas vezes fatal. Consulte sempre um médico veterinário especialista antes de definir qual ração irá utilizar. er tipo de dúvidas.

Evite: milho, alface, tomate, repolho, feijão, ervilha, batata, beterraba, cebola, bambu, grãos, sementes e qualquer tipo de carne.

Eles têm hábitos crepusculares, mas se alimentam durante todo o dia (24h), portanto é importante mantenha a alimentação disponível, mas nas quantidades adequadas.

A água também deve estar sempre disponível, limpa e fresca. Os bebedouros tipo garrafinha são mais higiênicos, pois não deixam que o animal derrube restos de comida ou fezes na água. Porém se o animal for assistido o dia todo, bebedouros comuns, como o de cães, podem ser utilizados. Prefira os de barro que mantém a água fresca e podem ser roídos. Atenção: não deixe o animal ficar molhado, isso pode desencadear problemas dérmicos fúngicos.

HIGIENE

Dê preferência às gaiolas que possuem uma grade entre o chão e o local das fezes, elas são fontes de microrganismos que causam doenças. Limpe diariamente com água, bucha e sabão. Limpe também os recipientes de água e comida e recolha os restos de alimentos.

Importante: não se assuste se vir seu bichinho comendo as próprias fezes, é um comportamento normal entre os coelhos.

SEGURANÇA

Os coelhos têm 2 pares de dentes incisivos na parte superior e 1 par na parte inferior. Nem preciso dizer que eles adoram roer tudo! Para evitar providencie brinquedos e coisas adequadas para ele morder, mas saiba que se ele tiver chance, ele vai roer a mobília e os cabos da casa.

Você pode improvisar pedaços de madeira virgem como mdf, ripas, ou compensados, desde que não possuam pintura ou qualquer outro tipo acabamento que pode ser contaminante. Ou, você pode comprar brinquedos desenvolvidos para coelhos em lojas especializadas.

SUPERAQUECIMENTO

O superaquecimento é causa de morte de muitos animais de estimação. Se as orelhas do seu coelho estiverem quentes, vermelhas e com seus vasos sanguíneos muito dilatados, e a respiração estiver ofegante procure um médico veterinário especializado imediatamente.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *